Como meditar? Veja algumas dicas para dar os primeiros passos

Conteúdo em parceria com:

Conteúdo em parceria com:

Para quem busca uma forma de relaxar o corpo e acalmar a mente, aprender como meditar pode parecer algo difícil, especialmente sozinho. A maior dificuldade relatada é como acalmar e “não pensar em nada”. O truque é aprender a deixar que os pensamentos passem, sem se envolver com cada um deles.

Tatiana Pimenta, da plataforma de saúde mental Vittude, explica que a desconexão com os pensamentos ocorre de forma gradual e involuntária. “Aos poucos, você consegue se desligar daquele pensamento que atrapalha o aproveitamento da meditação”, diz a especialista da Vittude.

A meditação ajuda a reduzir a ansiedade e o estresse, melhora na qualidade do sono, melhora a concentração e o foco durante o dia, além de relaxar. Aprenda a identificar os sintomas físicos da ansiedade.

Tatiana, da Vittude, dá algumas dicas: “O importante é não se pressionar para não pensar em nada e sentir-se mal caso não consiga nas primeiras tentativas. Não estamos acostumados com esses períodos agradáveis de silêncio, portanto, é normal não conseguir se desligar da realidade no começo”, diz.

Escolha um momento do dia para meditar

Pode ser pela manhã, antes de começar a rotina diária, ou à noite, para relaxar antes de dormir. O importante é escolher um momento que funcione dentro do que você está acostumado a fazer no seu dia.

Medite em um local tranquilo

Vale o quarto, a varanda ou o jardim: o importante é que o lugar escolhido para meditar seja calmo e sem distrações, como sons altos ou conversas paralelas.

Comece com períodos curtos

Não tente meditar por longos períodos, como 30 minutos seguidos. A dica de Tatiana é começar aos poucos: com três minutos e, conforme se sentir confortável, aumentar a quantidade de minutos aos poucos.

Foco na respiração

É por meio da respiração que as pessoas aprendem a meditar. Respire profundamente, inalando o ar com a barriga e o tórax, e expire lentamente. Outra dica é tentar segurar o ar entre 3 e 5 segundos.

Posição confortável

Não é preciso fazer a clássica posição de meditação. Comece a meditar encontrando a posição mais confortável para você, seja em uma cadeira ou no chão, com as pernas esticadas. O importante é manter a coluna ereta. Você pode usar uma parede ou o encosto da cadeira como apoio.

Observe seus pensamentos, mas não se apegue

As preocupações passarão pela sua cabeça. Observe-as e não se apegue: deixe-as passar, sem raciocinar sobre cada um destes pensamentos.

Meditação guiada pode ajudar

Para iniciantes, a meditação guiada é uma excelente opção, já que o praticante é orientado por meio de histórias e práticas de visualização. Aplicativos podem ajudar a encontrar a meditação guiada que funciona melhor para cada pessoa.