Aprenda a fazer e a higienizar as máscaras caseiras

Resumo do conteúdo

  • Orientação é para que todos usem máscaras ao sair
  • A máscara caseira deve ser lavada de forma adequada
  • Não toque a frente da máscara ao retirá-la do rosto

A orientação do Ministério da Saúde no combate ao novo coronavírus é para que toda a população faça máscaras caseiras e use-as sempre que precisar sair de casa. O objetivo é evitar que pessoas assintomáticas transmitam o vírus, aumentando o número de indivíduos contaminados.

Cada pessoa deve levar ainda uma máscara reserva, para ser trocada em caso de necessidade, e uma sacola plástica para guardar a suja. Elas devem ser usadas individualmente, ou seja, não podem ser compartilhadas nem mesmo entre pessoas da mesma família. O ideal é que a máscara seja trocada quando ficar úmida.

Veja também:

As máscaras caseiras a precisam ter duas camadas de pano (dupla face), com tecidos como algodão, tricoline ou TNT, e precisam cobrir totalmente boca e nariz, ficando completamente ajustadas no rosto, sem deixar aberturas nas laterais. Para prender a máscara acima das orelhas e abaixo da nuca, use elásticos ou tiras para amarrá-la.


 

Como lavar as máscaras caseiras de forma correta?

Elas devem ser lavadas com sabão ou água sanitária diluída em água (10 mL de água sanitária para 500 mL de água). Deixe-as de molho por cerca de 20 minutos e enxague em água corrente.

É preciso higienizar as mãos antes de colocar a máscara caseira no rosto. Para removê-la com segurança, retire-a pela parte de trás, sem encostar na frente da máscara. Lembre-se de lavar as mãos após a retirada.

As máscaras cirúrgicas devem ser usadas somente por profissionais de saúde, incluindo funcionários de farmácias, clínicas e cuidadores de idosos.

Veja também: