Por que dormir mais é importante na pandemia do coronavírus

Conteúdo em parceria com:

Conteúdo em parceria com:

O descanso adequado é essencial durante a pandemia; veja como dormir bem conseguir uma noite de sono melhor

A RaiaDrogasil e a Thrive Global formaram uma parceria para ajudá-lo a manter sua saúde e bem-estar durante a pandemia do coronavírus

Publicado originalmente por Danielle Sinay, escritora na Thrive Global

 

Embora a incerteza global e as atualizações 24 horas por dia, sete dias por semana, nos levem a perder o sono, dormir mal durante uma pandemia global não é uma boa ideia. Isso porque dormir adequadamente pode ajudar a construir as defesas naturais do corpo contra doenças e também a manter nossa mente saudável durante a crise do coronavírus.

Em termos da nossa imunidade física, um estudo da Faculdade de Medicina da Universidade de Washington descobriu que o sono curto crônico interrompe programas envolvidos na resposta imune. E uma pesquisa da University of Tübingen, na Alemanha, descobriu que o sono ajuda o nosso sistema imunológico a se recuperar.

Estes cientistas concentraram sua atenção nas células T do nosso corpo, os glóbulos brancos responsáveis pelo combate aos vírus e patógenos, e descobriram que a privação do sono reduz a eficiência dessas importantes células imunes.

Na medida em que mantemos nossas mentes saudáveis, o sono reabastece nossas reservas de humor, memória, tomada de decisão e empatia, as quais são especialmente críticas durante esse período de ansiedade coletiva. O sono também nos protege de nos sentirmos sozinhos e isolados.

Nossa falta de sono pode até afetar negativamente as outras pessoas: um estudo publicado na Nature Communications descobriu que mesmo uma interação de um minuto com alguém que está privado de sono pode nos fazer sentir mais sozinhos.

Veja também:

Claramente, dormir bem é mais importante do que nunca no momento. Mas, ao mesmo tempo, 70% das pessoas dizem que se sentem incapazes de se desconectar da tecnologia, justamente como resultado do surto do coronavírus, de acordo com uma pesquisa original da Thrive Global, com 5.000 entrevistados que explorou os pontos de dor do coronavírus. E uma incapacidade de desconectar pode levar à perda de sono.

Felizmente, é possível proteger o sono seguindo pequenos passos apoiados pela ciência. Aqui estão três Micropassos, que você pode tentar hoje à noite, que ajudam a facilitar o descanso de uma boa noite – e, portanto, proteger sua imunidade – em momentos difíceis:

Defina um horário de encerrar as notícias no final do dia

Embora estar informado possa ajudá-lo a se sentir mais preparado em meio a uma crise de saúde pública, estabelecer limites saudáveis para o consumo de notícias pode ajudar a ter uma noite de sono restauradora e colocar em perspectiva as notícias estressantes

Antes de dormir, retire seus dispositivos eletrônicos do seu quarto

Seu telefone celular é um repositório de suas ansiedades e medos, especialmente em tempos de crise e constantes atualizações de notícias. Desligá-lo te ajudará a dormir melhor, a se recarregar e reconectar com seu eu mais resiliente.

Faça uma lista de agradecimento antes de dormir

Anotar o que você agradece, no final do dia, reduzirá seus níveis de estresse, afastará sua mente das notícias do dia e proporcionará uma sensação maior de calma à noite.

Veja também: